Redes 10 Considerado o melhor evento sobre o uso de redes sociais e tecnologias por órgãos públicos. Fique por dentro

Cadê o Blog da Saúde?

Jessica Macedo
Posted on

O Blog da Saúde está em manutenção ou acabou?

O ano era 2011. Os blogs estavam em alta e as instituições públicas dando seus primeiros passos no universo digital. O Ministério da Saúde, dentre as instituições federais, era um verdadeiro vanguardista no quesito comunicação digital e, por que não dizer, de fato pública.

Assim, pura, clara, simples, objetiva e colocada à disposição de todos onde o público estava: nas redes sociais, nos blogs, nos fóruns. Sim, no falecido Orkut. Mas naquele ano, um projeto mais que especial despontava. Era o Blog da Saúde.

O começo do Blog da Saúde

Seu nome por extenso era blog.saude.gov.br. Que marra hein!? Adentrar na blogosfera enquanto governo e querendo conversar com a população. De início, não havia muita diretriz do que fazer com aquilo ali. Era um replicador dos releases e notícias da Agência Saúde (um braço da comunicação do Ministério da Saúde voltado para a imprensa).

Fernando Ramos, o coordenador a frente das redes sociais, me convidou para assumir a subcoordenação com ele e para ser editora do “bloguinho”, como carinhosamente o chamávamos. Fui. Mas fui com a missão de fazer aquilo ter sentido e estudei muito para isso. Alguns cursos de SEO (search engine optmization), noções de html e php, muita leitura sobre palavras-chaves e construção de texto para a web.

Mônica Plaza e Ilana Paiva, as repórteres por trás das atualizações do blog, me ouviram, me entenderam e aceitaram assumir comigo o desafio de transformar aquele replicador de notícias em uma referência. Não foi fácil! Mas fomos. Os comentários eram abertos e respondíamos a todo quanto é tipo de dúvida sobre saúde ali. Muitas vezes, direcionando a pessoa para a UBS mais próxima. Pegávamos essas dúvidas e transformávamos em pauta. Conversávamos com a área técnica, entrevistávamos especialistas e fazíamos um trabalho integrado com as ações do Ministério da Saúde.

O trabalho foi aumentando e ganhando espaço. Deixamos de sequer aparecer nos resultados de busca para ocuparmos a primeira colocação na serp. Na época, “page rank” era o índice para avaliar a qualidade de uma propriedade digital e o nosso ia só crescendo. Ai que orgulho!

Tivemos reconhecimento internacional, mas especialmente das chefias e do ministro. Enfim… tempos gloriosos. Outras pessoas tão comprometidas quanto nós também passaram por ali também e mantiveram viva aquela ferramenta que tinha um trabalho direto com a população. Levando informação verídica e bem orientada sobre saúde e prevenção.

Blog da Saúde acessado em 22/07/21

O “dono” da bola

Mas o setor público ainda sofre de um mal que precisava muito ser extinto: gestões que se acham donas da bola. A cada nova gestão, o Blog da Saúde ia perdendo sua essência, sua estrutura e sua história. Conteúdos que foram excluídos, autorias que foram ocultadas e por fim, ele não existe mais. Não aparece no resultado da busca. Indo direto ao endereço, uma mensagem bem simplista diz que está sob manutenção. E pronto! Anos de informação qualificada e apurada sobre saúde estão perdidos em um limbo de gestão governamental.

Do Blog da Saúde, restaram apenas alguns vestígios digitais de links inacessíveis, menções no Twitter, de créditos em algumas fotos em portais diversos, nada demais. O essencial, o conteúdo, está perdido e sabe lá se há jeito de recuperar. Que morte horrível. Abraçaria agora todos daquela equipe que um dia o sustentou no ar. Fernando, Ilana, Mônica, Gabriela, Andréa, Kathlen, Karoline, Camilla, Ana Célia, Fátima e tantos outros que sabem da sua importância para o bloguinho “vingar”.

Para recordar…


Foto de capa por Kelly Sikkema no Unsplash

Deixe uma resposta